maio 17, 2022

Rock Blues Brasil

Aqui você fica sabendo de tudo que acontece no cenário independente mundial!

Pierre Welsh & The Oaks lançou hoje o single “Je laisserai ma trace”

Explore, pesquise. Faça uma viagem para longe. Voltando com os bolsos cheios de fragmentos da realidade que logo se transformarão em canções agudas, o compositor Pierre Welsh tem feito isso toda a sua vida. O homem é enigmático, discreto, mas traça um curso reto como o mastro de um barco.

A expedição do momento chama-se OAKS: é uma banda de rock, poderosa, soberana, onde todos criam intuitivamente. Filho do rock desde os anos 90, integrante dos grupos Chelsea e depois Melville, o galês cruzou as décadas com projetos de escrita adotando ora a musicalidade da língua inglesa, ora a borda do francês, apresentando-se no palco apenas de forma esporádica como no La Maroquinerie ou La Boule Noire.

 Assombrado por uma certa ideia de beleza, alimentada por autores russos e pela poesia americana, Pierre Welsh empunha a escuridão e a espada; opta por estar lá, intensamente, e ausente no momento seguinte, como um Salinger ou um Terence Malick.

Em primeira mão o single “Je laisserai ma trace”.